Como Funciona O Sistema De Energia Solar

Os benefícios da energia solar não terminam com contas de energia mais baixas. Cortando a poluição de carbono? Verifica. Fortalecendo as comunidades? Verifica. Criando bons empregos? Verifique e verifique.
Hoje, a energia solar está em toda parte – de telhados residenciais a superlojas da Ikea e ao deserto de Nevada. E graças a Deus. É uma solução ganha-ganha para a crise climática que cria empregos, economiza dinheiro e ajuda a reduzir a poluição por carbono que está mudando nosso planeta.

Além disso, quando se trata de energia, a energia solar pode ser a coisa mais próxima para liberar dinheiro lá fora – e nós nem começamos a tocar todo o seu potencial.

Por quê? Bem, considere este fato do Laboratório Nacional de Energia Renovável dos EUA (NREL): Mais energia do sol atinge a Terra em uma hora do que toda a humanidade usa em um ano.

>> Aprenda como instalar Energia Solar <<

Você viu os painéis. E agora você sabe sobre o incrível potencial da energia solar. O que significa que você provavelmente tem algumas perguntas. Então vamos fazer isso.

COMO OS PAINÉIS SOLARES FUNCIONAM?
Um painel solar “funciona permitindo que os fótons, ou partículas de luz, liberem os elétrons dos átomos, gerando um fluxo de eletricidade”, segundo a Live Science. Essa é uma maneira técnica de dizer que as células fotovoltaicas do painel convertem a energia da luz solar em eletricidade (especificamente, corrente contínua (CC)). Esta eletricidade CC é então convertida em corrente alternada (CA) por um inversor.

AC é o tipo de corrente elétrica que você normalmente usa quando conecta qualquer coisa em uma tomada residencial. Se você tiver energia solar em seu telhado, o painel elétrico do sistema envia energia para suas luzes e aparelhos.

QUANTO TEMPO DURA OS PAINÉIS SOLARES?
Muito tempo. Tipo, muito tempo.

Muitos painéis solares domésticos são garantidos por décadas, graças a garantias que normalmente cobrem de 25 a 30 anos. Mas, como suas partes não se desgastam com facilidade, sabe-se que os painéis solares continuam produzindo eletricidade limpa mesmo depois desses longos períodos de tempo.

“Ao contrário de muitos outros bens de consumo, [painéis solares] não“ desistem do fantasma ”no final do período de garantia e precisam ser substituídos, mas continuam a produzir eletricidade limpa, embora com uma eficiência um pouco menor a cada ano. ”Relatórios da Clean Technica.

“De fato, algumas células solares da antiga escola vêm produzindo eletricidade diariamente por cerca de 40 anos, e espera-se que continuem a alimentar residências e empresas por mais décadas.”

Um estudo NREL de junho de 2012 investigando as taxas de “degradação fotovoltaica” de cerca de 2.000 instalações solares ao longo de um período de 40 anos descobriu que o sistema solar mediano perdeu apenas 0,5% de sua eficiência por ano. Assim, até o final de sua garantia de 25 anos, os painéis solares no telhado ainda podem estar operando a cerca de 88% de sua capacidade original.

(Obs… uma nota rápida sobre a palavra “fotovoltaica”: significa “capaz de produzir uma voltagem, geralmente por fotoemissão, quando exposta a energia radiante, especialmente luz”. O que é uma maneira muito longa de dizer “converte a luz solar em eletricidade”. “)

Clique na imagem e aprenda como instalar um sistema de energia solar.

QUE CLASSIFICAÇÃO DE MANUTENÇÃO É NECESSÁRIA?
Não muito, realmente. Seus próprios painéis solares podem durar décadas sem muita manutenção (talvez lembre-se de mantê-los livres de detritos, neve, etc.). Mas você provavelmente precisará substituir o inversor algumas vezes durante a vida útil do seu sistema.

Como os próprios painéis solares, os inversores normalmente vêm com uma garantia – eles podem variar de 5 a 15 anos (e às vezes até mais). Ao contrário de seus painéis, seu inversor não verá sua eficiência diminuir muito lentamente; em vez disso, pode simplesmente parar de funcionar e precisar ser substituído.

No entanto, desenvolvimentos tecnológicos nesta frente estão em andamento! Novos “microinversores”, que são instalados ou incluídos em cada painel solar, estão rapidamente substituindo os inversores centrais mais comuns que lidam com a saída de todos os seus painéis de uma só vez. Esses micro-inversores podem ter um tempo de vida muito mais longo (até 25 anos) do que um inversor central, e se um falhar, ele não desligará todo o sistema.

3 SEGREDOS para Vender Produtos Online com Sucesso

Segredo # 1: Trabalho + Trabalho

A venda de produtos on-line é única devido à grande variedade de clientes que você pode alcançar. De certa forma, isso equivale ao campo de jogo, mas lembre-se: os milhões de clientes em potencial que você pode alcançar também têm possivelmente milhares de sites concorrentes lutando por sua atenção.

Primeiro, você precisa direcionar o tráfego para seu site e, em seguida, oferecer um ótimo serviço e ótimos produtos. A boa notícia: seu custo indireto de venda de produtos on-line é significativamente menor do que abrir uma loja física.

Não se preocupe se isso parecer esmagador – entraremos em recursos úteis para essas abordagens posteriormente no post. Saiba que você precisará investir gradualmente energia em sua loja para aumentar sua base de clientes e chegar ao ponto em que está mais focado na manutenção.

Segredo # 2: Escolha o nicho certo

A primeira pergunta que a maioria de nós faz quando se inicia um novo negócio é o que vender. Não há necessariamente uma resposta certa ou errada. Vender produtos on-line com o Selz é simplesmente simples, sejam eles digitais, físicos ou até mesmo baseados em serviços.

Dito isto, considerar o nicho de mercado que você deseja atingir é vital para o sucesso do seu negócio. Nichos menores terão menos concorrência, dando a você uma chance melhor de se conectar com compradores em potencial. Por outro lado, seu pool de clientes será menor. Passe algum tempo pensando no seu nicho e equilibrando o nível de concorrência com o tamanho do mercado.

Pense na localização da função na venda de produtos on-line. Você precisará incluir os custos e a logística de entrega em seu planejamento. Tenha em mente que produtos digitais como software, música e e- books podem ser vendidos internacionalmente e entregues instantaneamente e, portanto, ter uma estrutura de custos ligeiramente diferente.

Segredo # 3: Promova sua loja

Ter um ótimo website ou blog não é suficiente para gerar tráfego e vendas. Você precisa atrair pessoas para sua loja e ajudá-las a realizar a compra.

Coloque-se nos sapatos do seu comprador em potencial. O que eles farão? Provavelmente…

  • Pesquise no Google por algo que eles estão procurando.
  • Peça conselhos em um fórum ou de outras pessoas em redes sociais como Twitter ou Facebook
  • Busque recomendações ou resenhas de outros sites ou mídias sociais

Você precisará investir uma quantidade considerável de tempo e energia a cada semana para se promover . Tente escrever artigos relevantes ou postagens de blog em seu site ou encontrar oportunidades de postagem de convidados em outros sites que seus clientes em potencial visitarão. Faça com que outras pessoas revisem seus produtos em seu site.

→  Saiba aqui como criar uma máquina de vender online

Concentre-se em conseguir que clientes em potencial visitem seu blog ou site. Use o Google Analytics para ver quais origens atraem os clientes em potencial e quais convertem melhor em vendas.

A Cultura Popular

Cultura popular é uma expressão que caracteriza um conjunto de elementos culturais específicos da sociedade de uma nação ou região.

Muitas vezes classificada como cultura tradicional ou cultura de massas, a cultura popular é um conjunto de manifestações criadas por um grupo de pessoas que têm uma participação ativa nelas. A cultura popular é de fácil generalização e expressa uma atitude adotada por várias gerações em relação a um determinado problema da sociedade. A grande maioria da cultura popular é transmitida oralmente, dos elementos mais velhos da sociedade para os mais novos.

cultura popular representa um conjunto de saberes determinados pela interação dos indivíduos.

Ela reúne elementos e tradições culturais os quais estão associados à linguagem popular e oral.

Assim, a cultura popular inclui o folclore, o artesanato, as músicas, as danças, as festas, dentre outros.

O folclore, utilizado como sinônimo da cultura popular, é composto por um conjunto de lendas e mitos. Esses são transmitidos entre gerações e representam a herança cultural e social de um povo.

Vale observar que o termo cultura é muito amplo e reúne comportamentos, símbolos e práticas sociais.

Trata-se, portanto, de um conjunto de fatores que compõem uma sociedade, por exemplo, saberes, crenças, costumes e tradições de determinado povo. Destacam-se a literatura, música, teatro, dança, culinária, religião, etc.

Cultura Popular e Cultura Erudita

O termo “popular” faz oposição ao termo “erudito”. Na cultura popular as tradições são realizadas pelo povo, os quais participam de forma orgânica e ativa, sendo, portanto, formada de maneira espontânea.

Enquanto a cultura erudita, considerada “superior”, é aquela eleita como a mais “culta”. Ou seja, ela é produzida e apreciada por indivíduos que possuem maior poder aquisitivo (elite) e por isso, é mais restrita.

A cultura erudita, diferente da cultura popular (a qual se forma pela convivência das pessoas) é elitizada e demanda estudos.

Ela é associada aos museus, bibliotecas, teatros, centros culturais, apresentações de música erudita, clássica, por exemplo, as óperas.

Quanto a isso, devemos lembrar que nenhuma cultura é superior à outra. Cada uma carrega suas heranças culturais e sociais que se desenvolvem segundo diversos fatores que envolvem toda a diversidade cultural.